Diário de Um Hemofílico de Bem Com A Vida e Notícias e Tudo Sobre Hemofilia

sexta-feira, 1 de abril de 2016

EVENTO SOBRE SAÚDE ARTICULAR NA HEMOMINAS

Foi realizado na Hemominas em Belo Horizonte, um evento sobre saúde articular. Grandes profissionais estiveram presente, dentre eles a Doutora Sylvia Tomas, do Mato Grosso, Doutora Júnia, fisioterapia, de Campinas e Doutor Luis Felipe, Ortopedia.


O comprometimento das articulações é um dos piores problemas que podem decorrer da hemofilia, devido as constantes hemartroses, mas que podem ser evitados, e este foi o principal objetivo deste evento, informar e educar sobre como preservar a saúde articular em pessoas com hemofilia.


Tratar a hemofilia é o principal, o controle das hemorragias, prevenindo e tratando o mais rapidamente quando ocorrem, em segundo fortalecendo através de atividades físicas e fisioterapia. A fisioterapia, deve se lembrar, não é apenas útil no tratamento, mas também na prevenção.

As palestras trouxeram muitas informações neste sentido.


SAÚDE ARTICULAR NA HEMOFILIA

"Como todos sabem, os hemofílicos têm tendência a apresentar sangramentos  espontâneos podem ocorrer em locais submetidos à pressão, especialmente nas articulações que suportam carga. 

Presença de sangue nessas articulações produz um processo inflamatório que compromete a constituição dos tecidos na região afetada e provoca limitação importante dos movimentos." (1) 

No passado, era difícil encontrar um hemofílico com 20 anos que não andasse apoiado numa bengala e, mesmo assim, caminhava com dificuldade. 

Atualmente, o trabalho de reabilitação revolucionou o tratamento da hemofilia e garantiu aos portadores da doença melhor qualidade de vida. 

"Penso que a resposta a essa pergunta pode ser dada com base no que se via antigamente, quando o tratamento da hemofilia não tinha evoluído. Por volta dos 10, 11 anos, a criança já apresentava artropatia grau 3, com destruição da cartilagem articular, formação de cistos subcondrais e alteração biomecânica da articulação" (2)

"A primeira coisa que eles precisam saber é que a condição muscular adequada torna as articulações mais estáveis e, portanto, a tendência ao sangramento será menor. Esse raciocínio ampliou o leque de atividades físicas disponíveis e os pacientes passaram a fazer exercícios contra resistência, conhecidos como programas de musculação. 

Na Divisão, são desenvolvidos protocolos e temos pacientes com hemofilia A e hemofilia B que estão se mantendo sem sangramento há longo tempo, apesar do esforço a que se submetem por conta dos exercícios contra a resistência." (3)

DO EVENTO NA HEMOMINAS

O jovem Otávio comentou no Watzzap,  "as palestras foram excelentes para as mães das crianças pequenas, ainda segundo ele, se identificou como vendo o filme da sua vida nas conversas que aconteceram durante o encontro. 

Otávio diz que, a Doutora Sylvia Tomas, Doutora Júnia e Doutor Luiz Felipe, compartilharam um pouco de seu conhecimento e que isso refletiria na qualidade de vida dos pacientes.




Antes do evento foi servido um delicioso lanche, durante o qual os presentes puderam conversar e interagir compartilhando histórias, oportunidade para rever ou fazer novos amigos.


VISITA A ASSOCIAÇÃO



A doutora Sylvia Tomas, hematologista , esteve na Associação dos Hemofílicos de Minas Gerais, ela chegou em Minas Gerais um dia antes e fez uma visita a associação. 



Nenhum comentário:




do Diário Postagens opiniões e pensamentos



Quarta- Feira, 27 de setembro


clique e leia tudo

*18 de outubro foi dia dos médicos, parabéns e obrigado a todos os anjos de jaleco.


* Acontece no Espírito Santo, o primiro Hemojogos, 28 de outubro, no parque da Vale. Leia mais.


* Dia 27 de outubro tem Embaixadores da Hemofilia em São Paulo. Clique para saber mais.





LEIA TAMBÉM:



1
jamille edaes

2
Jamille e o marido, Roberto Edaes

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"

4
jamille edaes

1
jamille edaes

2
Jamille e o marido, Roberto Edaes

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"

4
jamille edaes




Eventos que participamos e cobrimos



Jamille e o marido, Roberto Edaes
Encontro Rio São Paulo de Hemofilia -RJ,
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Dia Mundial, APHISP - Campinas..
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Divulgando o Dia Mundial da Hemofilia Na Praça Sete. .