Diário de Um Hemofílico de Bem Com A Vida e Notícias e Tudo Sobre Hemofilia

quarta-feira, 27 de julho de 2016

EXPOSIÇÃO CHÃO NORDESTINO MARCA 20 ANOS DE TRABALHO DE AIRTON CILON

Artista múltiplo, Poeta, músico e artista plástico, Airton Cilon retrata com sua arte as belezas da sua terra. 



A primeira exposição de Airton foi em 1996.




A 20 anos o mossoroense Airton Cilon apresentava pela primeira vez as suas telas. Era a exposição “Manipulando Cores”. 




Para celebrar estas duas décadas de atuação na cidade, o pintor estreará no próximo dia 22 (sexta) a exposição “Chão nordestino”, a partir das 19h30 no Salão Joseph Boulier, no Memorial da Resistência. 




 “Estarei levando pra essa exposição uma técnica nova que consiste na pintura sobre o tecido estampado. Levo também um número maior de telas. Enfim é minha melhor safra de todos os tempos.  De diferente das demais, pode-se notar ainda a técnica mais apurada ao longo desses anos”, comenta Cilon.





“Chão Nordestino” apresentará mais de vinte trabalhos do artista mossoroense: “Estou ainda em fase de produção, finalizando umas telas. Pretendo expor pra mais de 20 trabalhos. As telas vão estar à venda e com a facilidade de pagamento via cartão de credito”, informou.




Cilon comentou ainda sobre o cenário das artes plásticas em Mossoró, segundo ele Mossoró dispõe de muitos artistas no seguimento artes visuais, mas que são pouco aproveitados “É preciso mais incentivo e vitrine para que esses artistas apareçam. 

É difícil montar uma exposição sem muito apoio. Mas como diz o Artista Plástico Francisco Brennand: 

‘O artista, é aquele que persiste’ e eu vou persistindo naquilo que acredito”.

Sobre sua versatilidade em vários setores das artes, finalizou: “Todas as vertentes que desenvolvo no meu dia a dia me completam, quando estou tocando e cantando, aquele é meu momento de prazer musical, a poesia de a mesma formar, pintar, é um estado de encantamento onde sou tomando pela essência das cores”.














.

mais sobre hemofilia



mais postagens




Em 1911, o Cais do Valongo foi aterrado e redescoberto 100 anos depois

Nasci hemofílico, virei guerreiro de sangue...

No meu imaginário de criança, era super herói, Super poderes? Sim, claro... resiliência,.. sensor de perigo igual o do homem aranha e capacidade de regeneração do Volwerine. . Brincando com efeitos especiais, olha no que deu... dei vida a imaginação.

+Leia Mais



NOTICIAS DAS ASSOCIAÇÕES

eu e a hemofilia


ç

LEIA TAMBÉM:



1
jamille edaes

2
Jamille e o marido, Roberto Edaes

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"

4
jamille edaes

1
jamille edaes

2
Jamille e o marido, Roberto Edaes

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"

4
jamille edaes

ds


tudo sobre hemofilia

AVENTUREIROS

ESCALADA
Um dos vencedores era hemofílico.Adventures Of Hemophilic, escalando pela hemofilia.
DESÁFIO
ENCONTRO
Hemofílicos no Desafio de Caribe, Ermanamento Brasil Venezuela.

HEMOFÍLICOS FAMOSOS

Eventos que participamos e cobrimos



Jamille e o marido, Roberto Edaes
Encontro Rio São Paulo de Hemofilia -RJ,
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Dia Mundial, APHISP - Campinas..
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Divulgando o Dia Mundial da Hemofilia Na Praça Sete. .