.

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

AVANÇOS NO TRATAMENTO DA HEMOFILIA NO BRASIL

Muito avançamos no tratamento da hemofilia no Brasil. Embora a passos lentos, as melhorias foram acontecendo, sendo que, nós últimos 3 anos, houve uma aceleração e de fato, mudanças de grande relevância acontecer. 



 A dose domiciliar veio demoradamente, poderia ter chegado anos antes, haviam condições pra isso. Depois com a dose domiciliar de urgência tivemos um avanço, que patinava nas crises de falta de fator seja por um problema ou outro. 




 Com o tempo a regularidade na compra e fornecimento dos hemoderivados, deu uma relativa tranquilidade. 

 De 2010 pra cá os avanços foram maiores e mais acelerados, todos de grande relevância. Não negamos que melhorias ainda precisem ser feitas, que precisamos avançar mais, mas devemos reconhecer o que foi feito. 



 Hoje temos a profilaxia, dose domiciliar em maiores quantidades liberadas, tratamento com imunotolerância e a qualidade no atendimento melhorando. 


 Desde dezembro de 2011 estando vigente o novo protocolo de Hemofilia, no dia nacional do hemofílico em janeiro, foi oficialmente lançado pelo Ministério da Saúde, inaugurando o tratamento preventivo para crianças com hemofilia. Desde o dia 1º de dezembro de 2011, pacientes de até três anos com hemofilia A e B grave e com até uma ocorrência de sangramento da articulação já podiam receber doses do fator de coagulação que não é produzido pelo corpo de quem tem a doença. 

Era o começo da a profilaxia primaria. 

 A partir de 2012 começou a ser implementada também no Brasil a profilaxia secundária e a chegada dos fatores recombinantes.



 Em 2013 a profilaxia terciária iniciou-se no Brasil. Em evento pelo Dia Nacional dos Hemofílicos, foi oficialmente apresentado o novo protocolo de tratamento da hemofilia no Brasil, que seria ainda aprimorado com novos avanços, como profilaxia terciaria e secundaria. Vária palestras acontecerem dentro do evento, dentre estas, a De Bem Com A Vida e Com A Hemofilia, que apresentamos.

 Hoje contamos com profilaxia primaria, secundaria e terciária e o tratamento de imunotolerância para quem tem inibidor. 

Informe-se No Hemocentro Mais Próximo Sobre As Opções de Tratamento.



  • Profilaxia 
  • Imunotolerância
  • Dia Nacional dos Hemofílicos 2012
  • Tratamento da Hemofilia



MAIS LIDAS



Reações:

0 comentários: