Diário de Um Hemofílico de Bem Com A Vida e Notícias e Tudo Sobre Hemofilia

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Cientistas criam tecnologia em cápsula para tratamento da Hemofilia B

Engenheiros da Universidade do Texas em Austin criaram um sistema biodegradável via oral para o tratamento da hemofilia B que poderia combater alguns dos problemas ligados ao tratamento desta desordem hemorrágica.


 Aproximadamente 400.000 pessoas em todo o mundo vivem com hemofilia A ou hemofilia B e o tratamento dessas coagulopatias acontece por meio da aplicação intravenosa do fator de coagulação deficiente no organismo.

Imagem meramente ilustrativa


 O acesso a esses medicamentos é limitado em algumas partes do mundo devido ao custo e as pessoas devem lidar com múltiplas injeções semanais para manter a coagulação sanguínea adequada e prevenir os sangramentos internos e externos.




 Este novo sistema consiste em uma cápsula composta de micro e nanopartículas que administram a proteína chamada fator IX (FIX) para o tratamento da hemofilia B.

 Testes do protótipo demonstraram que a cápsula poderia percorrer com segurança o trajeto do estômago para o intestino delgado onde começaria a dilatar devido a um aumento nos níveis de pH.



A enzima intestinal principal então começaria a degradar a casca da cápsula liberando lentamente a droga durante um período de tempo não especificado. 

 “Baseado nas capacidades atuais deste sistema, aproximadamente duas cápsulas seriam equivalentes a uma injeção”, disse Sarena Horava, autora principal do estudo e Ph.D, formada pela Universidade do Texas na Escola de Engenharia de Austin.

“Entretanto, nós antecipamos que faremos melhorias na capacidade do sistema via oral e, consequentemente, diminuiremos a quantidade de cápsulas.” 

 Em última análise, Horava e seus colegas acreditam que esta tecnologia beneficiará mais as pessoas com hemofilia nos países em desenvolvimento.

”Em muitos países em desenvolvimento, a expectativa de vida média para pessoas com hemofilia é de 11 anos devido à falta de acesso ao tratamento, mas nossa nova tecnologia via oral de fator IX pode agora superar esses problemas e melhorar o uso mundial desta terapia”, acrescentou Horava. 

 A equipe planeja realizar mais testes para verificar as capacidades do sistema antes de iniciar os ensaios clínicos.

 Por Ryan Bushey, Editor Digital, Drug Discovery & Development

 Publicado em 23/12/2016

Nenhum comentário:


Em 1911, o Cais do Valongo foi aterrado e redescoberto 100 anos depois

08/09/17

Hemo Diário

*A Saudações Hemofílicas. Nem sempre chegar é o melhor. Curtir a viagem também faz parte do jogo. Nem sempre temos tudo que queremos, mas podemos fazer o melhor Não deu certo? Recomece. Tá difícil? Mexa se, faça acontecer... tá vivo é pra viver....


* Calar e ouvir não te torna o mais fraco, mas revela. O mais forte nem sempre é o que não tem dor, mas o que a transforma em flor. Das pedras do caminho, faça pontes... A hemofilia rima com alegria sim. Tá vivo é pra viver.




Em 1911, o Cais do Valongo foi aterrado e redescoberto 100 anos depois

08/09/17


* A Associação dos Hemofílicos do Piaui esta reestruturando a sede, precisando das janelas.... lembrando que ela já foi até furtada, agora com cerca eletríca, telhado e precisa de sua ajuda pra continuar as reforma... informe se (86) 999496200 com a Izabel 988177796 e com Luíza


* Hoje mais uma turma fez radiosinoviertese no Rio de Janeiro com a doutora Sylvia Thomas. Desejando melhoras a todos./p>







GUERREIROS DE SANGUE - HISTÓRIAS

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Rafael não tem medo de agulhada, mas de faltar fator.
3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Eleição da FBH
p

LEIA TAMBÉM:



1
jamille edaes

2
Jamille e o marido, Roberto Edaes

3
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"

4
jamille edaes

Eventos que participamos e cobrimos

Jamille e o marido, Roberto Edaes
Encontro Rio São Paulo de Hemofilia -RJ,
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Dia Mundial, APHISP - Campinas..
Kalil chegou a ligar para o atacante Fred: "É o maior centroavante do Brasil há anos"
Divulgando o Dia Mundial da Hemofilia Na Praça Sete. .